Qual é o papel da Telemetria na Fórmula 1

Quais são os pontos que diferenciam um vencedor, qual o papel da telemetria na formula 1 atual?


Bem a Fórmula 1 é a modalidade automobilística e um dos esportes que mais atrai o público.

São pessoas de todas as idades em todo o mundo.


Apesar de seu âmbito mundial, poucos conseguem ingressar na categoria por conta do elevado valor dos recursos que a mesma exige.


Na incessante busca pelos melhores resultados, as equipes realizam grandes investimentos em diversos setores:

Ou seja; pneus, motor, combustível, entre outros.

Tudo (ou quase tudo) é válido para estar sempre um passo à frente dos concorrentes.

Telemetria formula 1

Um dos setores mais importantes atualmente na fórmula 1 é o da telemetria.

Com o suporte da tecnologia da informação (TI), das redes wireless e outros segmentos ligados à informática.

Ao passo que tornou-se uma imprescindível ferramenta para o fornecimento de dados cada vez mais precisos e valiosos.

Acima de tudo eles podem fazer toda a diferença em uma competição.

Este sistema de aquisição de dados monitora diversos aspectos do carro.

Como, por exemplo, o movimento dos pedais, a temperatura do motor, o balanço da suspensão, entre outros.

Assim os engenheiros e pilotos trabalhem juntos em prol do acerto ideal e da solução de qualquer eventual problema.

A figura a seguir mostram uma parte de toda a tecnologia envolvida nesta modalidade.

dados sendo enviados aos computadores

Existem dois tipos de telemetria em um Fórmula 1:

O primeiro funciona através de micro ondas e fornece dados ao engenheiro a cada passagem em frente aos boxes.

Neste processo a quantidade de informação gira em torno de 4 megabytes.

Além disso, mais dados podem ser coletados no retorno do monoposto aos boxes.

Mais ou menos em torno de 40 megabytes, plugando-se um laptop no carro, em uma tomada normalmente localizada perto do bocal do combustível.

A segunda forma de coleta consiste no uso de um sistema que, através de pequenos sensores, acompanha a máquina em todo o circuito.

Segundo o qual transmiti constantemente pequenas informações como, posição de pista em tempo real.


Ao passo que também a mesma é transmitida por uma antena colocada na lateral do carro.

Contudo algumas equipes utilizam um transmissor extra no espelho retrovisor.


Além disso, para proteger todos os membros irradiados pela antena, uma pequena caixa é colocada quando o carro para no boxe.

formula 1 telemetria

As informações são extremamente importantes durante as provas ou treinos.

Utiliza-se de 1000 a 2000 canais de telemetria.

Usando a faixa de 1,5GHz e possuem um atraso típico entre o tempo de coleta e recepção da ordem de 2 milissegundos.


Assim, devido a enorme capacidade dos computadores em processá-las.

Os pilotos obtêm respostas rápidas dos engenheiros quanto ao funcionamento correto do carro.


Sendo coletados para a corrida em torno de 1,5 bilhão de amostras de dados.

Por exemplo se somarmos os treinos, atinge a marca de 5 bilhões.


As escuderias utilizam programas fornecidos por seus parceiros.

Frequentimente fornecidos pela Intel, AMD, Sun Microsystems, entre outros, que facilmente interpretam os dados.

Após se apresentar algumas alterações, os arranjos serão feitos com os pilotos da equipe.

Bom, por hoje é só.



Boa semana a todos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp